Pesquisar este blog

Carregando...

quinta-feira, 19 de abril de 2012

EMBARGOS A MONITÓRIA

EXCELENTÍSSIMO SENHOR DOUTOR JUIZ DE DIREITO DA X VARA CÍVEL DA COMARCA DE XXXXXXXXX/XX.







À Apensar à MONITÓRIA
n.º XXXXXXXXXXXX





RXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX, na pessoa do seu representante legal, com endereço na Rua XXXXXXXXXXX, XXXXXXX, Sobreloja, São Francisco, CEP.: XXXXXXXX, XXXXXXXXX/XXXXXX; XXXXXXXXXXXXXX, brasileiro, separado, XXXXXXXXXXXXX, Rua XXXXXXXXXXXXXX, XXX, Sobreloja, XXXXXXXXXXX, CEP.: XXXXXXXXXX, XXXXXXXXX/XX, vem, mui respeitosamente, à presença de Vossa Excelência, por sua advogada que esta subscreve, para apresentar, tempestivamente, com fundamento nos artigos 736 e seguintes do Código de Processo Civil, estes
EMBARGOS À MONITÓRIA
em face de BANCO XXXXXXXXXXXXXXXXXXX, pessoa jurídica de direito privado, inscrito no CNPJ n.° XXXXXXXXXXXXXXX, com sede na XXXXXXXXXXXXXXX, n.° 34, 4°andar, na cidade XXXX/XX, expendendo, para tanto, os motivos de fato e de direito a seguir transcritos:
1) DIGRESSÃO FÁTICA DOS AUTOS
Ingressou o embargado com a Ação Monitória, visando receber importância de R$ XXXXXXXXXXXXXXX, referente aos débitos do contrato n.° XXXXXX (conta corrente pessoa jurídica – saldo devedor R$ XXXXXXXXXXXX) e contrato n.° XXXXXXXXXX (Crédito Giro Fácil Gold – saldo devedor R$ XXXXXXXXXXXXXX).
Conforme se afere do despacho dos autos, a ação foi recebida, momento em que foi ordenada a citação do requerido para pagar ou propor embargos.
Após a citação, foi juntado aos autos do processo, mandado de citação em ........ , restando assim, demonstrada a tempestividade dos presentes embargos.
2) DOS EMBARGOS
No caso do contrato de n.° XXXXXXXXXXXX, a requerida celebrou com a requerente a Proposta de Abertura de Conta Corrente Jurídica. Em razão dos juros XXXXXXXXXX
o débito cobrado é referente à conta corrente pessoa jurídica concedido na conta corrente do embargante em xxxxxxx.
Acontece que, em xxxxxx, o embargante, está devedor da importância de xxxxxxxxxxx, por débito originado de um limite – cheque especial de R$ xxxxxxx, conforme é confessa a embargada.
Assim, está evidente no presente caso, que o débito em questão é referente à JUROS EXORBITANTES COBRADOS EM LIMITE – CHEQUE ESPECIAL DE CONTA CORRENTE.
….............. CONTINUA.........
O restante deste modelo poderá ser obtido por meio de depósito bancário, no valor de R$ 40,00 (quarenta reais). Solicitamos que os interessados entrem em contato no e-mail: modelosdeacao@hotmail.com, para os acertos necessários e possíveis dúvidas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário